Oficina de “Mobile Journalism” (jornalismo móvel).

O evento será presencial e contará com a expertise da jornalista Édila Chaves que há mais de 10 anos atua na área de comunicação desenvolvendo diversos trabalhos no Jornalismo digital.

Édila Chaves é formada em Comunicação Social com habilitação em jornalismo e especialista em Perícia Criminal. Foi criadora do programa “Em Link”, projeto de entretenimento e informações. A jornalista trabalha como repórter e assessora de imprensa.

Para a jornalista Édila Chaves, falar deste tema é de grande relevância para a informação. “ O “Mobile Journalism” permite um maior contato com o mundo, com as pessoas, pois o jornalismo vai atrás da notícia, possibilitando o fazer jornalismo nos tempos atuais, de comunicar a notícia em tempo real”, relata.

De acordo com a comunicadora, esse modo de fazer jornalismo possibilita comunicar a notícia em tempo real, buscando a informação correta e facilitando a conversa como o público. “Uma das inovações que esse modelo de comunicação traz é a interação, aproximando a população, tirando dúvidas e acrescentando informações durante uma transmissão”, explica Édila.

Jornalista Édila Chaves ministra oficina de “mobile journalism” na segunda semana de maio 1

Carreira

A Jornalista foi assessora de imprensa em maternidades referências do Estado do Amazonas. Édila já apresentou o programa interligados Amazônia, criado pelo Jornalista Bruno Fonseca e pela produtora Deiny Sousa, um programa cultural que marcou o Web jornalismo.

Édila Chaves já trabalhou na TV, em jornais, no rádio e foi repórter do Portal do Holanda.  Atualmente é repórter do Portal Imediato e apresentadora do programa “Imediato e o Povo” da Rede Norte Digital, com participação no programa “Mundo Animal”.

Oficina de “mobile journalism”

A pré-inscrição para a oficina será aberta no dia 08 de maio, as vagas são limitadas. O Evento é organizado pela Produtora Conceitual Comunicação. Para outras informações sobre a oficina, os interessados devem acessar a bio do Instagram da Produtora Conceitual Comunicação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui